SNIRH JÚNIOR
Conhecimento e Diversão

Concurso 2011/12: A Água e a Ciência

Regulamento do Concurso

Contexto

O desenvolvimento da Ciência permite implementar a inovação nas práticas, nos novos produtos e nas tecnologias, associadas a diversas áreas do conhecimento. Assim sendo, o saber de como se distribuiu a água no mundo e a forma como esta é utilizada permitirá a salvaguarda deste elemento essencial à vida.

Neste contexto, propõe-se comemorar a Ciência com a promoção do conhecimento sobre recursos hídricos e de acções de sensibilização da sociedade para a preservação deste recurso natural, através do concurso subordinado ao tema “A Água e a Ciência”. A participação neste concurso será uma oportunidade para compilar e propor medidas inovadoras e criativas, visando reforçar a importância da conservação e utilização racional da água, tanto para o bem-estar do Homem como para o desenvolvimento da economia.

Este concurso pretende, também, integrar nesta análise os países de língua oficial Portuguesa, como Angola, Brasil, Cabo Verde, Guiné, Portugal, Moçambique, São Tomé e Príncipe.

Os trabalhos elaborados sobre este tema deverão dar ênfase à quantificação dos recursos, transmitindo a mensagem de forma criativa e enviando, se possível, uma mensagem de esperança para o futuro.

Grupo Alvo

O concurso tem como grupo alvo alunos que frequentam 2º e 3º Ciclos do ensino Básico ou equivalente (Ginásio, no Brasil), ensino Secundário ou equivalente (Científico, no Brasil) e Universitário. Os trabalhos a concurso poderão ser individuais ou colectivos (grupo composto no máximo de três jovens). Os trabalhos apresentados a concurso deverão recorrer às novas tecnologias na poupança, na reutilização e na divulgação do conhecimento relacionado com o uso inteligente do recurso água.

Entrega

A entrega ou o envio dos trabalhos, por correio ou por e-mail, é da responsabilidade dos concorrentes. Cada trabalho deverá conter a identificação completa dos autores (nome, morada, telefone e e-mail).

Caso o trabalho seja elaborado no âmbito de uma escola este deverá conter, para além da identificação completa dos autores, a identificação da escola e dos professores que auxiliaram a sua elaboração.

Os trabalhos apresentados em suporte de papel (por exemplo cartazes) não deverão exceder as dimensões do formato A0 (largura 841mm e altura de 1189mm) e em suporte de vídeo não deverão exceder sete minutos de duração.

Os trabalhos apresentados a concurso irão fazer parte do espólio histórico do Sistema Nacional de Informação de Recursos Hídricos, podendo ser expostos em futuros eventos educativos e culturais.

Morada:

SNIRH (12.º e 13.º piso)
Av. Almirante Gago Coutinho, n.º30
1049-066 Lisboa

Calendário

Os trabalhos deverão ser enviados até ao final de Abril de 2012. O resultado do concurso será divulgado no dia 18 de Maio de 2012, através do portal http://snirh.pt/junior.

Os participantes ao concurso deverão efectuar uma pré-inscrição, via e-mail (snirh@apambiente.pt), até ao 22 de Março de 2012 (não obrigatório), permitindo deste modo uma melhor organização do evento público associado à divulgação dos trabalhos apresentados ao concurso.

Júri

Os trabalhos apresentados a concurso serão apreciados por um júri constituído pelos colaboradores do Sistema Nacional de Informação de Recursos Hídricos, sendo presidido pelo responsável pela monitorização de recursos hídricos do Ministério da Agricultura, do Mar, do Ambiente e do Ordenamento do Território (MAMAOT).

Os trabalhos serão avaliados considerando os seguintes aspectos:

  • Desenvolver o tema específico do concurso;
  • Apresentar abordagens quantitativas;
  • Incluir sugestões ou mensagens de esperança;
  • Apresentar criatividade ou originalidade.

Trabalhos fora do tema ou vídeos com duração superior ao especificado não serão admitidos para avaliação no âmbito do concurso. Os trabalhos apresentados a concurso deverão fazer referência ao SNIRH.

Prémio

Os trabalhos serão todos premiados com brindes e divulgação no portal do SNIRH. Serão distinguidos dois trabalhos colectivos e dois trabalhos individuais, que terão apresentação pública e divulgação via Internet.

Os vencedores do concurso terão direito a passar um dia nas zonas experimentais do Sistema Nacional de Informação de Recursos Hídricos (SNIRH).

Algumas Sugestões:

Inovação nas práticas, nos novos produtos e nas tecnologias

  • Influência das variações do clima na água disponível
  • Água e história
    • transporte marítimo e fluvial;
    • água venerada pelas qualidades espirituais-religiões;
    • Desenvolvimento das civilizações dos grandes rios: Egípto (rio Nilo), China (rio Amarelo), Suméria (região da Mesopotâmia, entre os rios Tigre e Eufrates) e Vale do Indo.
  • Água garante da vida
    • Saúde;
    • poder curativo da água, a água é essencial ao nosso bem-estar;
    • beleza;
    • Suporte aos ecossistemas aquáticos.
  • Água e Lazer
    • Turismos de zona balnear;
    • Turismo termal;
    • Desporto, incluindo a pesca desportiva.
  • Água e o domínio da agricultura e pesca
    • Empresas agrícolas (ex olival, cereais, vinha, pecuária);
    • Empresas Agro-industriais (ex Tomate, cortiça, azeite e óleo, lacticínios, carne);
    • Pesca comercial;
    • Sistemas de rega inovadores;
    • Aquacultura.
  • Água e indústria
    • Águas minerais;
    • Refrigerantes;
    • Distribuição de águas;
    • Produção de equipamentos (bombas, turbinas, filtros, condutas, contadores, aspersores, válvulas, etc.);
    • Tratamento de águas para consumo e de efluentes.
  • Água e seu estudo através da hidrologia, hidráulica fluvial e marítima
    • Pontes e obras de arte;
    • Diques;
    • Aproveitamentos hidráulicos;
    • Obras de protecção costeira;
    • Passagens para peixes;
    • Reutilização da água;
    • Dessalinização.
  • Água e energia
    • hidroeléctrica associada a grandes barragens e minihídricas;
    • Energia das ondas;
    • Energia das marés.

Estes temas poderão ser apresentados em diversos formatos, como por exemplo:

  1. Construir uma Base de Dados simplificada, isto é, um arquivo (papel, Acess, outros) de Dados Jovem (Água Nova), utilizável pelas escolas, através da compilação de dados e informações relacionadas com a água, provenientes das diversas regiões, podendo conter as disponibilidades hídricas associadas aos usos de cada região. Possibilidade de posterior divulgação via Internet.
  2. Propor e desenvolver meios de divulgação inovadores das boas práticas de utilização da água (blogues temáticos, cartazes, esculturas, slogans, músicas, filmes, peças de teatro etc.).
  3. Utilizar o "Projecto RIOS" (português ou similares noutros países) para recolher informação de campo relevante à avaliação do estado dos Rios. O Projecto Rios é um projecto que visa a participação social na conservação dos espaços fluviais, procurando acompanhar os objectivos apresentados na Década da Educação das Nações Unidas para o Desenvolvimento Sustentável. A implementação deste projecto pretende dar resposta a visível problemática de âmbito global, referente a alteração e deterioração da qualidade dos rios e a falta de um envolvimento efectivo dos utilizadores e da população em geral; (http://www.projectorios.org/; http://projectorios.blogspot.com/; projectorios@gmail.com).
  4. Avaliar as regras de uso eficiente da água, que visa preservar o recurso, através de uma análise da implementação das regras nos diversos sectores económicos da sociedade: agricultura, industria, serviços, turismo, ensino, uso doméstico, biodiversidade e outros sectores económicos (Lazer - usos de recreio, pequenas piscinas e jardins, etc.). Inclui, por exemplo identificar mecanismos de controlar o consumo da água, por tempo ou reutilização.
Download do regulamento em PDF.
O SNIRH-JÚNIOR é um site integrado no Sistema Nacional de Informação de Recursos Hídricos

PESQUISAR


English Version

English Version.

ACESSIBILIDADE

Símbolo de Acessibilidade à Web. [D]